CIDADANIA23

PORTAL NACIONAL

Em nota, PPS e parlamentares lamentam tragédia em escola

Em nota pública (veja abaixo), o PPS (Partido Popular Socialista) e os líderes do partido no Congresso Nacional lamentam o ataque contra funcionários e alunos em escola de Suzano (SP). O partido e os parlamentares, ao se solidarizarem com parentes e amigos das vítimas, defenderam uma sociedade desarmada, onde impere a cultura de paz.

NOTA PÚBLICA

“O Partido Popular Socialista, estarrecido como toda sociedade, lamenta, com a mais profunda tristeza, o tiroteio na Escola Estadual Raul Brasil, em Suzano, São Paulo, que matou dez pessoas, até agora, e feriu dezenas entre alunos e funcionários do estabelecimento de ensino. Neste momento de grande angústia, o partido e os parlamentares externam solidariedade a todos os familiares e amigos das vítimas.

O partido e os parlamentares reforçam a convicção de que a política do culto da violência, que hoje impera, e o acesso fácil às armas de fogo – que só servem para matar ou morrer – são uma insanidade que propicia um ambiente nefasto para a vida, para o diálogo e a convivência em uma sociedade civilizada. A necessidade de um controle rigoroso na venda  e porte de armas reforça nossa defesa irrestrita ao Estatuto do Desarmamento”.

Brasília, 13 de março de 2019.

Roberto Freire                             Eliziane Gama                                   Daniel Coelho  

Presidente do PPS                    Líder do PPS no Senado               Líder do PPS na Câmara

Deixe uma resposta