PARTIDO POPULAR SOCIALISTA

PORTAL NACIONAL

Para Roberto Freire, permitir base militar dos EUA no Brasil é ‘um grave equívoco’

Reprodução

O presidente do PPS, Roberto Freire, considerou “um grave equívoco” a possibilidade de o novo governo permitir a instalação de uma base militar dos EUA no Brasil. Em sua conta no Twitter, ele também defendeu ser preciso “lutar contra trazer” para a América do Sul “forças militares de outros continentes”, como na Venezuela, País que pode receber uma base militar da Rússia.

“A ideia de permitir base militar dos USA no BR é um grave equívoco. Devemos lutar contra trazer para o nosso continente forças militares de outros continentes. Falam em base russa na Venezuela, um outro equívoco que deve ser rechaçado. Contra bases militares na América do Sul. PAZ”, manifestou-se o presidente do PPS na rede social.

A instalação de base militar americana em território brasileiro foi admitida na última quinta-feira (03) pelo presidente Jair Bolsonaro, em entrevista ao SBT, e pelo chanceler Ernesto Araújo como uma questão a ser estudada no futuro. No entanto, a ideia não se afina com a política nacional de Defesa.

“De acordo com que possa vir a acontecer no mundo, quem sabe se você não tenha que discutir essa questão no futuro. A questão física pode ser até simbólica, porque hoje em dia o poderio das forças armadas americanas, chinesas, russas, alcança o mundo todo, independentemente de base”, disse o presidente na entrevista.

“O presidente não exclui esse tipo de possibilidade. Temos todo interesse em aumentar a cooperação com Estados Unidos em todas as áreas. Isso é algo que tem que ser conversado. Não haveria problema na questão de uma presença desse tipo”, admitiu Araújo, na sexta-feira (04), em Lima, no Peru, ao ser questionado sobre o assunto.

O Ministério da Defesa disse que desconhece qualquer tratativa desse tipo. (Com informações das agências de notícias)

Deixe uma resposta