PARTIDO POPULAR SOCIALISTA

PORTAL NACIONAL

Daniel Coelho defende reajuste do piso salarial de agentes de saúde

Robson Gonçalves

Deputado discursa durante a sessão em que foi aprovada MP prevendo correção

O deputado federal Daniel Coelho (PPS-PE) defendeu, em discurso no plenário da Câmara, reajuste do piso salarial de agentes comunitários de saúde e endemias de todo o País. Medida provisória prevendo essas medidas foi aprovada por unanimidade pelo plenário da Casa na madrugada desta quarta-feira (11). No entender do parlamentar, a MP “estabelece um mínimo de dignidade para essa categoria tão importante para o sistema de saúde do Brasil”.

O deputado pernambucano ressaltou que o PPS estava fora da briga entre governo e oposição, “que às vezes perde a lógica”, no caso da MP dos agentes de saúde e endemias. A medida provisória muda dispositivos relativos à jornada de trabalho da categoria, além de prever um reajuste de 52,86% ao longo de três anos.

De acordo com o texto, o piso atual, de R$ 1041,00 passará, em 2019, a R$ 1250,00; em 2020, o valor chegará a R$ 1400,00. Já em 2021, o salário alcançará o valor de R$ 1550,00.

Daniel Coelho salientou que os agentes de saúde e endemias são “extremamente importantes para que o Brasil possa ter uma saúde pública de qualidade”. O deputado lembrou que esses profissionais visitam os lares brasileiros, fazem os primeiros atendimentos da família e encaminham casos para os postos de saúde quando é necessário.

“Eles são essenciais no sistema de saúde, e essa remuneração que a MP estabeleceu é mais do que merecida”, afirmou. O parlamentar lembrou que o atual piso da categoria está igual ao salário mínimo.

Deixe uma resposta