CIDADANIA23

PORTAL NACIONAL

Vitória (ES) é a segunda melhor cidade para investir em negócios no País

Reprodução

Capital capixaba é destaque em vários indicadores, como educação, saúde e transparência

A cidade Vitória (ES), governada pelo PPS, é a segunda melhor cidade no País para investir em negócios. A conclusão é da Revista Exame, que, por meio da empresa de consultoria Urban Systems, divulgou um ranking dos locais mais promissores e que são referência em planejamento. São Paulo lidera a lista.

No levantamento são checados 28 indicadores de desenvolvimento social, capital humano, infraestrutura e desenvolvimento econômico. A capital capixaba ainda lidera o levantamento no quesito “capital humano”, com a nota 6,33. Um dos pontos positivos que levaram ao resultado é a população acima de 25 anos com ensino médio. Enquanto a média brasileira é de 51%, em Vitória o índice é de 77%.

O prefeito de Vitória, Luciano Rezende, do PPS, lembrou que a capital capixaba tem feito uma trajetória de destaque em vários indicadores do País, como educação, saúde e transparência. “Esse é um trabalho em equipe, uma gestão compartilhada, que envolve servidores, lideranças comunitárias, imprensa, população, e que me deixa muito feliz. Nesse ranking de grande importância, nós evoluímos do 5° lugar em 2016 para 2° lugar como a melhor cidade pra se fazer negócios entre as mais de 5,5 mil cidades brasileiras”.

Luciano frisou que ranking reúne indicadores em temas chave, como facilidades econômicas, sistema de saúde, educação, financeiro, transportes, infraestrutura, qualidade de vida. “Enfim, tudo conta e Vitória se desponta no Brasil como um grande destino para quem quer trabalhar, viver e visitar. Parabéns Vitória, mais uma vez em destaque nacional”.

Ranking

Desde 2014, a Urban Systems elabora um ranking dos 100 municípios brasileiros que reúnem as condições mais favoráveis para a instalação de empresas. São considerados os que têm mais de 100 mil habitantes.

Alvará Mais Fácil

Um dos motivos para a atratividade da capital em relação a investimentos é a forma facilitada de abrir empresas, em até 48 horas. Antes, o processo chegava a durar 120 dias. O projeto Alvará Mais Fácil simplificou os procedimentos de liberação de licenças em Vitória desde 2015. Mais de 40 mil empresas foram beneficiadas.

“A principal vantagem trazida pelo Alvará Mais Fácil é a maior rapidez para iniciar um empreendimento, o que incentiva a geração de trabalho e renda na cidade, contribuindo para o desenvolvimento econômico”, afirmou a secretária de Desenvolvimento da Cidade, Lenise Loureiro.

As licenças também tiveram a validade ampliada – de três para cinco anos -, o que otimizou o trabalho que as renovações exigem aos empreendedores. Entre as mudanças, também está a concessão do alvará antes da vistoria fiscal, o que permite o início imediato da atividade , a implantação de uma sala especial para protocolo orientado, a cobrança prévia da taxa, entre outras facilidades.

Para os casos de adaptação do comércio para acessibilidade ou necessidade de regularização da edificação, o comerciante recebe a licença provisória e pode funcionar enquanto a pendência é resolvida.

Além disso, permitiu a simplificação da emissão dos alvarás sanitário e ambiental. Mais de 150 atividades foram reclassificadas como de baixo risco sanitário, o que permitiu o licenciamento imediato das empresas apenas com o protocolo do processo na Vigilância Sanitária. (Com informações da Assessoria da Prefeitura de Vitória)

Deixe uma resposta