PARTIDO POPULAR SOCIALISTA

PORTAL NACIONAL

10 Medidas: Câmara tem oportunidade de mostrar que não é contra a Lava Jato, diz Jordy

Robson Gonçalves

É importante que a Câmara corrija distorções aprovadas na comissão especial

O líder do PPS na Câmara, Arnaldo Jordy (PA), afirmou nesta sexta-feira (17) que retorno do projeto conhecido como “10 Medidas Contra a Corrupção” à Câmara será uma oportunidade para que os parlamentares afastem de vez a especulação de que a Casa é contra as investigações das denúncias de corrupção da Lava Jato.

“É importante que a Câmara dê essa demonstração, corrigindo as distorções que foram feitas no texto do parecer que foi aprovado comissão especial que analisou a matéria”, defendeu o parlamentar.

O pacote anticorrupção foi devolvido, nesta quinta (16), à Câmara pelo presidente do Senado Federal, Eunício Oliveira (PMDB-CE), em obediência à decisão do ministro do Supremo Tribunal Federal Luiz Fux, que foi tomada, em dezembro de 2016, após a aprovação do pacote anticorrupção pelo plenário da Câmara.

Na decisão, Fux determinou que a tramitação do pacote deveria voltar à estaca zero porque o texto do projeto de lei foi alterado com emendas estranhas à matéria original.

Arnaldo Jordy lembrou ainda que projeto das “10 Medidas Contra Corrupção” foi amplamente discutido na comissão e aprovado por unanimidade por parlamentares de todos os partidos. A iniciativa do Ministério Público contou com o apoio de mais de dois milhões de assinaturas. “As desfigurações que foram feitas no parecer estão na contramão do que pensa a sociedade, que deseja ver banida deste país a corrupção”, afirmou parlamentar.

Deixe uma resposta